terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil

O Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil bateu o record de acesso entre as ferramentas dedicadas a divulgação das reivindicações dos agentes comunitários de saúde (ACS) e agentes de combate às endemias (ACE) e projeta uma nova realidade na concepção da utilização do WebBlog para fins profissionais. Total de visualizações 97.259, só no mês passado foram 8.731. A maior referência em termos de acesso atualmente é o cordel “O Povo, a dor e o Agente Comunitário de Saúde,” publicado no último dia 17/09. Ele atingiu o rank do post mais visualizado em 5 dias, após a sua publicação.
Já está em andamento o planejamento de incorporar novas ferramentas de comunicação e integração ao jornal. Dessa forma será possível que as pessoas que acessam a ferramenta possam dialogar em tempo real. Recentemente foi identificado que quase 100 pessoas acessaram o site simultaneamente, ou seja, manifestadamente uma possibilidade de mega chat, por exemplo.

Interligação com demais blogs
A Interligação do Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil com blogs administrados por ACS e ACE possibilita o fortalecimento de forma mais ampla das ações informativas envolta dos profissionais. Os ACS e ACE blogueiros formam um verdadeiro pelotão em prol da luta por melhores condições de trabalho. No Jornal dos Agentes de saúde é possível ter acesso a uma coletânea de link que remetem a diversos blogs dedicados aos agentes de saúde.

Entre os blogs linkados com o Blog da MNAS estão os seguintes webblog: ACE Ednaiptan - PE, ACE Priscila - Itabira-MG, ACS Bio Paulista-PE, ACS Eliana CUIABA-MT, ACS Ricardo - Bezerros/PE, Elaine de Ferrazopolis, ACS Fabio Bandeira - SP, ACS Eliseu Lima, ACS Roberto - BA, ACS Manoel Sousa/PB, ACS William Vinícius - SE, ACS CANINDE. Além dos sites dos sindicatos: SINDACS-PE, SINDACS-BA, SINDACS-PB, SINDACS-RN, CNTSS e CUT.

Ferramentas que se comunicam
A administração do Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil utiliza diversas ferramentas de comunicação, além das oferecidas pelo provedor blogger, possibilitando a comunicação entre os ACS e ACE. Entre eles post do twitter, mural de recados, livro de visitas, conexão com o inforum, formulário de contato personalizado, links com todas as secretarias estaduais de saúde do país e transmissão da Rádio Justiça em tempo real. A coordenação da Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde compreende que o trabalho de informação desenvolvido pela organização é de natureza social, assim como o trabalho desenvolvido pelos profissionais. O trabalho dos agentes de saúde é totalmente atípico daquele realizado pelos profissionais de saúde. A própria natureza constitutiva da profissão dos agentes comunitários de saúde, por exemplo, contempla essa complexidade que sobressai nessa essência de atipicidade. Esses agentes também são responsáveis pelo controle social na saúde. Como administrar esta perspectiva estando sob relações tão precárias? É esta precariedade que subordina o trabalhador a gestão. É a mordaça que impedirá qualquer indício de eficácia na postulação dessa atribuição.

Ação solidária
É mantido no blog do Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil uma ferramenta que exibe dados de pessoas desaparecidas. Além da possibilidade de acesso com a ONG Divulgando Desaparecidos (www.divulgandodesaparecidos.org). Nesse site é possível buscar a identificação de pessoas desaparecidas com dados, fotos, fazer cadastros, acessar links correlatos, vídeos etc.

O voluntariado da MNAS
A Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde é formada exclusivamente por voluntários. Todas as suas atividades envolvem o voluntariado.
Se você tem interesse em ser um voluntário(a) da mobilização, acesse a página de cadastro e solicite a sua filiação.

O trabalho da Mobilização
A MNAS criou o primeiro site nacional voltada à categoria (permitindo a manutenção da informação aos profissionais em âmbito nacional, além da interação por meio de suas ferramentas online, entre as quais a principal delas - o fórum do InFórum). Juntamente ao lado do SINDACS-PE, fortalecido com o apoio parlamentar engrossamos a união em torno da PEC 07/2003. Intensificamos a mobilização nacional para sensibilizar os parlamentares em Brasília com vista ao apoio da PEC. Obtivemos informações a cada passo da proposta e difundimos pelos agentes de saúde de todo o Brasil. Em outubro de 2005, sob a presença de profissionais de vários estados, foi realizada uma grande caminha pela Esplanada dos Ministérios, culminando num ato público em frente ao Congresso Nacional.

Em 2005, o relator da Comissão Especial, deputado Maurício Rands, apresentou parecer pela aprovação da PEC 07/2003, com alterações que incluiu os Endemias. Nos meses que se seguiram à luta continuou nos mais diversos municípios do Brasil e Distrito Federal. Em 14 de janeiro de 2006, a PEC 07/2003 foi sancionada, garantido a o emprego dos agentes de saúde. Com o advento da emenda 51/2006, houve retorno do debate. Foi solicitado ao deputado Maurício Rands que articulasse uma frente parlamentar visando o debate até a consagração da Lei Federal 11.350/2006.

1 comentários:

Postar um comentário